Albumina Humana

O que é?

Antes de tudo temos que entender que a Albumina humana está presente no plasma do nosso sangue. Quando ocorre uma diminuição no volume do plasma o médico prescreve a Albumina de forma adicional, pois ela tem o poder de aumentar o volume do plasma e consequentemente o do sangue total, sendo um Expansor de Volume Plasmático. 

Marcas de Referência

Albumax, Albuminar 20%, Beribumin, Blaubimax e Plasbumin 20.

Para que serve a Albumina Humana? 

Serve para o tratamento de uma variedade de condições, podemos citar:Albumina Humana 1

  • Choque devido a perda de sangue no corpo (Hipovolemia),
  • Queimaduras,
  • Albumina baixa (Hipoalbuminemia),
  • Baixos níveis de proteína (Hipoproteinemia) devido a alguma cirurgia ou insuficiência hepática,
  • Síndrome do desconforto respiratório agudo (SDRA),
  • Nefrose (lesão degenerativa no rim), 
  • Diálise renal,
  • Aumento da bilirrubina em bebês (Hiperbilirrubinemia neonatal),
  • Insuficiência hepática aguda,
  • Doença hemolítica do recém-nascido e
  • Como um medicamento adicional na cirurgia de by-pass cardiopulmonar, (Ponte). 

Pode ser usada para várias condições, conforme determinado pelo seu médico.

Como a Albumina Humana Age?

Mantém a pressão coloidal osmótica (ou oncótica) no plasma. A Albumina Humana é responsável por 70% a 80% da pressão osmótica do plasma normal, que regula o volume de sangue em circulação e aumenta temporariamente o volume de sangue.

Quando a Albumina Humana não deve ser usada?

  • Caso você seja alérgico a qualquer ingrediente da Albumina Humana
  • Se você tem ou já teve insuficiência cardíaca, insuficiência renal ou anemia crônica estável, ou está em risco de sobrecarga de líquidos (retenção de líquidos

Entre em Contato o seu médico ou profissional de saúde imediatamente se algum destes sintomas se aplicarem a você.

O que devo falar para o meu médico antes de usar a Albumina Humana?Albumina Humana 2

Algumas condições médicas podem interagir com Albumina Humana. Informe o seu médico se você tiver quaisquer condições médicas, especialmente se alguma das seguintes situações se aplicarem a você:

  • Se estiver grávida, ou planejando engravidar ou a amamentar
  • Se estiver a tomando qualquer medicação comum ou preparadas à base de plantas, ou suplemento dietético, tudo isso prescrito por um médico é claro
  • Se você tem alergia a medicamentos, alimentos, ou outras substâncias

Como utilizar a Albumina Humana?

Use como indicado pelo seu médico. Verifique o rótulo do medicamento para instruções de dosagem exatas.

  • Albumina (humana) é geralmente administrada como uma injeção no hospital ou clínica do seu médico. Se você estiver usando albumina (humana) em casa, siga atentamente os procedimentos de injeção ensinados pelo seu médico.
  • Se albumina (humana) contém partículas ou descoloração, ou se o frasco estiver rachado ou danificado de alguma forma, evite usá-lo.
  • Use albumina (humana) com o conjunto de administração que veio com ela. Certifique-se o filtro está usado. Após a abertura, a administração deve ser iniciada dentro de 4 horas. Descarte qualquer garrafa que tenha sido aberta por mais de 4 horas. Não guarde garrafas parcialmente utilizadas para uso posterior.
  • Não tente infundir a albumina (humana) mais rápido do que a taxa especificada pelo seu médico.
  • Mantenha este produto, bem como seringas e agulhas, fora do alcance das crianças. Não reutilize agulhas, seringas ou outros materiais. Descarte corretamente após o uso. Pergunte ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico para explicar os regulamentos locais para o descarte adequado.
  • Se você esquecer-se de uma dose de albumina (humana), use-a o mais rapidamente possível. Se estiver quase na hora da sua próxima dose, pule a dose e volte ao seu esquema regular. Não use 2 doses de uma só vez.

Pergunte ao seu médico sobre qualquer dúvida que possa ter sobre como usar albumina (humana).

Informações de segurança importantes

  • Exames laboratoriais, incluindo pressão arterial, verificação de efeitos secundários, podem ser realizados para acompanhar seu progresso.
  • Gravidez e Aleitamento: Se você ficar grávida, discuta com o seu médico os benefícios e os riscos do uso de Albumina (humana) durante a gravidez. Se você amamenta ou amamentará enquanto estiver a utilizar a Albumina (humana), consulte o seu médico para discutir os riscos para o seu bebê.

Possíveis Efeitos Colaterais da Albumina Humana

Todos os medicamentos podem causar efeitos colaterais, embora muitas pessoas não sintam nenhum efeito ou uma mínima quantidade. Quando usada em doses pequenas, não há relatos de efeitos colaterais comuns. 

Procure ajuda médica imediatamente se algum destes efeitos secundários graves ocorrerem:

  • Reações alérgicas graves tipo: (erupções cutâneas, urticária, coceira, dificuldade em respirar, sensação de aperto no peito, inchaço da boca, face, lábios ou língua); 
  • Alterações na freqüência cardíaca ou respiração; 
  • Calafrios; 
  • Confusão; 
  • Excesso de saliva; 
  • Desmaio;
  • Febre; 
  • Dor de cabeça; 
  • Náuseas; 
  • Vômitos e  
  • Fraqueza.

Esta não é uma lista completa de todos os efeitos secundários que podem ocorrer. Se você tiver dúvidas sobre os efeitos colaterais, entre em contato com o seu médico.  

Qual o armazenamento adequado da Albumina Humana?

Albumina Humana é armazenada à temperatura ambiente de 15 a 30 ºC longe do calor, umidade e luz. Evite congelar a solução.

Descarte a porção não utilizada. Não use após a data de validade. Mantenha albumina (humana) fora do alcance de crianças e longe de animais de estimação.

Informações gerais

  • Se você tem dúvidas sobre a albumina (humana), por favor, fale com o seu médico, farmacêutico ou outro profissional de saúde.
  • Albumina (humana) é para ser usada somente pelo paciente para o qual está prescrito. Não compartilhe com outras pessoas.
  • Se os sintomas não melhorarem ou se piorar, fale com seu médico.
  • Verifique com o seu médico sobre como descartar os medicamentos não utilizados.

 Preparações

Solução intravenosa de Albumina Humana é disponível em 5% e 25% as concentrações. Albumina 5% está disponível em 50 ml (2,5 gramas de albumina), 250 ml (12,5 gramas de albumina), e 500 ml (25 gramas) de albumina de garrafas ou frascos. Albumina 25% está disponível em 20 ml (5 gramas de albumina), 50 ml (12,5 gramas de albumina), e 100 ml (25 gramas de albumina) de garrafas ou frascos.

Dosagem

Adultos

  • Hipovolemia: Administrar albumina 25% de 100 a 200 ml; repetir em 15 a 20 minutos, se necessário principalmente para a necessidade de proteína / pressão oncótica dos pacientes. Para pacientes com plasma significativo ou déficits de volume (choque hipovolêmico), uso de albumina 5%.
  • Hipoalbuminemia: Inicialmente administrar 12,5 a 25 g de albumina IV, com base em déficit total albumina. Máximo de 2 g de albumina por kg de peso por dia.
  • Queimaduras: Após as primeiras 24 horas, administrar albumina 5% ou 25% IV em atingir o nível de albumina de plasma de cerca de 2,5 g / 100 ml ou um total de proteína de plasma de concentração de 5,2 g / 100 ml.Recomenda-se a dose inicial de 25 g de albumina.
  • Síndrome do desconforto respiratório agudo (SDRA): Administrar 25 g de albumina IV durante 30 minutos, a cada 8 horas durante 3 dias, se necessário.

Crianças / Adolescentes

  • Hipovolemia: Administrar albumina 25% 2,5-5 ml por quilo de peso; repetir em 15 – 20 minutos, se necessário. Para pacientes com déficit significativos no plasma, utilizar albumina 5%.
  • Hipoalbuminemia: Para idades de 12 a 16, administrar 50 a 75 g IV como dose inicial.
  • Queimaduras: Para idades de 12 a 16, a dose deve ser individualizada com base na pressão oncótica plasmática ou teor de proteínas ou através de observações diretas dos sinais vitais; os doentes devem ser adequadamente hidratados.
  • Síndrome do desconforto respiratório agudo (SDRA): Para as idades de 12 a 16, administrar 25 g de albumina IV, durante 30 minutos, a cada 8 horas, durante 3 dias, se necessário.
  • Doença Hemolítica do Recém-nascido: Pode administrar albumina 25% antes ou durante a transfusão de troca em uma dose de 1 g por kg de peso corporal.

O uso seguro e eficaz de albumina 5% e 25% não é estabelecido em crianças com menos de 12 anos de idade.

Interações medicamentosas 

  • Albumina não deve ser diluída com água estéril porque isto pode causar a hemólise.
  • Não misturar com hidrolisados ​​ou soluções contendo álcool, uma vez feito estas combinações pode causar a precipitação das proteínas.
  • Não misturar com outros medicamentos, incluindo sangue e componentes sanguíneos. A Albumina é compatível com o sangue total, plasma, soro fisiológico, glicose ou lactato de sódio.

Outras Informações importantes

Estas informações não devem ser usadas para decidir se quer ou não tomar Albumina (humana) ou qualquer outro medicamento. Apenas o seu médico tem o conhecimento para decidir quais os medicamentos são adequados para você. Estas informações não endossam qualquer um dos medicamentos seguros, eficazes, ou aprovados para o tratamento de qualquer condição do paciente ou de saúde. 

Este é apenas um breve resumo de informações gerais sobre a Albumina (humana). Esta informação não é um aconselhamento médico específico e não substitui as informações que recebe do seu médico. Você deve conversar com seu médico para obter informações completas sobre os riscos e benefícios do uso de albumina (humana).

Artigos Relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *