O que Você precisa saber sobre as Gorduras?

Conforme os carboidratos as gorduras também tem uma queima limpa, pois ao serem metabolizadas pelo organismo são transformadas em carbono, hidrogênio e oxigênio, as quais são substancias puras e naturais.

São formadas por moléculas chamadas de ácidos graxos (ou gordos) e requerem um processo um pouco mais complexo para assim liberarem a energia quando queimadas. Também são os nutrientes mais calóricos, tendo 9 calorias por grama, quase o dobro dos carboidratos e proteínas que tem em média 4 por grama.Carne com gorduras

Como as Gorduras são produzidas pelas plantas?

As plantas absorvem a energia solar e produzem os carboidratos e na medida em que elas vão amadurecendo estes carboidratos se transformam em gorduras que são utilizadas como armazenamento de energia solar em longo prazo.

Também costumam armazenar gorduras em sementes para fornecer o crescimento do embrião com nutrição concentrada até que possam começar a fazer carboidratos (quebrados em glicose) por conta própria através da fotossíntese.

Você Tem Dificuldade Para Emagrecer? Ou Gostaria de Perder Peso Mais Rápido?

Clique Aqui e Veja Como Isso é Possível 

Gorduras e seus efeitos

Os Animais produzem suas próprias gorduras através do consumo de carboidratos, gorduras de plantas e de outros animais. Por outro lado os seres humanos tendem a gostar de alimentos gordurosos. Muitos de nós além de termos um desejo pelo doce também temos um “desejo pela gordura”, e isto é um gosto que veio com a evolução da humanidade.

A gordura é a energia concentrada e, portanto, a sobrevivência para as pessoas que vivem próximas da fome ou por períodos de fartura e fome. O desejo por ela tem um sentido, especialmente se está disponível apenas em ocasiões especiais.

 A gordura está tão presente diariamente em nossas vidas que no simples fato de falarmos em alimentos gordurosos chega a nos dar uma sensação agradável de “água na boca”.

Dietas ricas em gorduradiminuem nossas vidas e nos predispõem às doenças cardíaca,  vascular, câncer e outras da mesma gravidade ou até piores, além disso  são uma das principais causas da obesidade.

Não é só a quantidade de gordura ingerida que se torna um importante determinante da saúde, mas o tipo e a forma como é preparada. Nesta área há muita desinformação, então vamos destacar alguns pontos.

Devemos saber quais alimentos são naturalmente ricos em gordura

Podemos incluir:

  • sementes (de gergelim, girassol e milho),
  • nozes (especialmente nozes Pecan, castanha do Brasil do estado do Pará, nozes de macadâmia e coco),
  • alguns legumes (amendoins e soja),
  • algumas frutas (azeitonas e abacates),
  • muitas carnes (carne bovina, carne de porco e cordeiro),
  • aves (ganso, pato e galinha não esfolada),
  • alguns peixes (salmão, cavala, sardinha, anchova e arenque),
  • chocolate, manteiga, creme de leite e queijos feitos a partir de leite integral.

Muitos alimentos preparados (comidas prontas tipo industrializadas) são ricos em gordura má, porque são feitos a partir dos produtos citados acima ou são preparados com outras gorduras não saudáveis.

De acordo com os nutricionistas temos uma quantidade diária de calorias a serem consumidas, claro que de forma distribuída, um pouco de carboidrato, de gordura e de proteína, entretanto várias pessoas preenchem com 40 a 50 por cento as suas calorias diárias somente com gordura má, esquecendo-se das outras fontes de alimento. Isto não é saudável, pois as gorduras más têm grandes diferenças em sua composição, de acordo com os ácidos graxos que predominam.

Gorduras Saturadas de Insaturadas

A maioria das pessoas já ouviu falar sobre gorduras saturadas e insaturadas. Estes termos referem-se à química dos ácidos graxos e se todas as ligações de carbono disponíveis na cadeia molecular estão ocupadas, originando assim a gordura Insaturada. Já a Saturada se apresenta com o carbono ligado aos átomos de hidrogênio.

 Não precisa ser um químico para descobrir se a gordura é saturada ou insaturada. Basta colocar uma amostra na geladeira e será visto rapidamente. As gorduras saturadas ficam duras e sem brilho no frio. As gorduras animais são a principal fonte de gordura saturada em nossas dietas. Basta pensar em como vemos a gordura do bacon na geladeira.

Bacon com gorduras Gelado

 

Você Tem Dificuldade Para Emagrecer? Ou Gostaria de Perder Peso Mais Rápido?

Clique Aqui e Veja Como Isso é Possível 

Gordura Vegetal

Algumas gorduras vegetais também são saturadas, nomeadamente os óleos de coco, de palmiste e de palma (conhecido como óleo de Dendê). O óleo de coco permanece duro e branco, com temperaturas mais baixas, já em maiores temperaturas fica no estado líquido. Por outro lado as gorduras poli-insaturadas, as quais incluem muitos óleos vegetais ficam transparentes e de fluxo livre (líquido) quando refrigerados.

 O óleo de cártamo é o mais insaturado dos óleos alimentares. Em seguida encontramos os óleos de girassol, milho, soja e algodão e depois os óleos feitos principalmente de ácidos graxos que não possuem saturação apenas em um ponto da cadeia molecular, também chamados de gorduras monoinsaturadas.

 Óleos de Oliva (azeite) e canola têm mais gorduras monoinsaturadas do que outros óleos e logo em seguida vem o amendoim. O azeite de oliva se torna espesso e translúcido na geladeira, podemos conseguir tirá-lo da garrafa neste estado, com um pouco de dificuldade,  é claro, já  óleo de Canola permanece claro e líquido, mas torna-se visivelmente mais grosso.

Podemos dizer que todas as gorduras são misturas de ácidos graxos e os termos de saturado e insaturado referem-se aos componentes predominantes. Mesmo a gordura da carne e a banha de porco, que estão saturados por definição, têm ácidos graxos, enquanto o óleo de oliva, o qual é monoinsaturado também é composto em 14% de gordura saturada.

 

 

 

 

Artigos Relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *